Cidadania através de intervenções de carácter social e cultural
Investimento nos hospitais do Médio Tejo
Investimento nos hospitais do Médio Tejo

Investimento nos hospitais do Médio Tejo

Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT), que agrega os hospitais de Abrantes, Tomar e Torres Novas, conseguiu a aprovação de uma candidatura ao Programa Operacional CENTRO 2020, no valor de 2,3 milhões de euros, para investimentos em equipamento e obras nos edifícios. 

A candidatura agora aprovada, que será cofinanciada pelo FEDER – Fundo Europeu para o Desenvolvimento Regional, conta com uma comparticipação em 85% do investimento total de 2,7 ME, ou seja 2,3 ME, e integra duas componentes de investimento: em edifícios e equipamento básico.

O presidente do CHMT, Casimiro Ramos, adiantou que “os equipamentos incluídos nesta candidatura são a Ressonância Magnética, a colocar em Abrantes, o Microscópio para cirurgia de Oftalmologia, para Tomar, o Ecógrafo para cirurgia pediátrica, a colocar em Torres Novas, e um Esterilizador de dispositivos médicos a vapor, para Tomar”.

Também ao abrigo desta candidatura, está ainda prevista a remodelação da rede de águas na unidade hospitalar de Abrantes, que se encontra degradada e que poderia colocar em causa a salubridade e segurança na sua utilização.